Amazonas Destaque

Wilson Lima fala sobre decisão do STJ após denuncia do MPF: “As acusações contra mim não têm fundamento”

Governo do Amazonas Wilson Lima Covid-19 vacinação Amazonas
Foto: Lucas Silva/Secom
Escrito por Zukka Brasil | AM

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), em sessão nesta segunda (20), decidiu pelo não afastamento do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), do cargo.

A sessão extraordinária, presidida pelo presidente da STJ, Humberto Martins, começou às 9h e terminou às 18h40.

Foi o resultado do julgamento da denúncia do Ministério Público Federal (MPF) sobre a compra de respiradores pelo Governo do Amazonas em abril de 2020.

Os ministros decidiram que os acusados responderão processos pelo desvio de valores na compra de 28 respiradores pulmonares no contexto do enfrentamento da covid-19 (coronavírus).

“Sobre a decisão de hoje, afirmo: as acusações contra mim não têm fundamento e tampouco base concreta, como ficará provado no decorrer do julgamento. Nunca recebi qualquer benefício em função de medidas que tomei como governador. A acusação é frágil e não apresenta nenhuma prova ou indício de que pratiquei qualquer ato irregular. Agora terei a oportunidade de apresentar minha defesa e aguardar, com muita tranquilidade, a minha absolvição pela Justiça. Tenho confiança na Justiça e a certeza de que minha inocência ficará provada ao final do processo”, ressaltou o governador do Amazonas, Wilson Lima.