Destaque Entretenimento

Volta de grandes eventos em Manaus é sinalizada com comissão de avaliação da flexibilização

Prefeitura de Manaus Eventos Covid-19 Vacinação
Foto: Ingrid Anne
Escrito por Zukka Brasil | AM

A Prefeitura de Manaus, por meio do Decreto nº 5.122/2021, publicado nesta segunda-feira, 2/8, no Diário Oficial do Município (DOM), instituiu a “Comissão Especial de Organização de Eventos Festivos no Município de Manaus”, para avaliar e planejar a flexibilização das medidas de restrição para eventos de grande porte realizados na capital, a partir de uma série especificações que devem ser cumpridas.

O grupo deverá planejar os eventos, como o aniversário da cidade, Natal, Réveillon, Carnaval, entre outros, e atos preparatórios necessários para as suas realizações, além de propor a expedição de normas e acompanhar as execuções.

De acordo com o decreto, os eventos só ocorrerão caso mais de 70% da população acima dos 18 anos tenha completado o esquema vacinal contra a Covid-19 (duas doses ou dose única) e desde que autorizados pela Secretaria Municipal da Saúde (Semsa).

A flexibilização em Manaus está seguindo o exemplo de outras capitais que já avançaram na vacinação contra a Covid-19, como é o caso de São Paulo (SP), que a partir de 1º/8 começou a autorizar a realização de eventos de grande porte, com aumento da porcentagem de ocupação e ampliação do horário de funcionamento.

“Há uma enorme demanda para a realização de eventos de grande porte em Manaus. Porém, a prefeitura é a principal interessada que somente ocorram considerando a segurança sanitária necessária para evitar a disseminação da Covid-19. Toda a liberação seguirá critérios rígidos e levará em conta os números de vacinados na capital e outros dados que denotam o estado da pandemia na cidade”, declarou o chefe da Casa Civil, Tadeu de Souza.

Vacinação

De acordo com o “Vacinômetro”, da Prefeitura de Manaus, o número de vacinados contra a Covid-19 avança na capital, totalizando mais de 1,5 milhão de doses aplicadas nos adultos, sendo que 83% da população vacinável já recebeu a primeira dose e 26%, a segunda, ou dose única, estando, portanto, imunizados.

A relação com os dados da vacinação é diretamente relacionada à quantidade de óbitos e sepultamentos pelo novo coronavírus em Manaus, havendo, pois, uma queda considerável, nos últimos meses, em relação aos mesmos períodos do ano passado, ou ainda alguns meses antes de a vacinação iniciar.

A Prefeitura de Manaus destaca que a autorização para a realização dos eventos, objeto do decreto, pode ser revista ou cancelada, de acordo com a situação epidemiológica do município, caso não haja o cumprimento das especificações.