Sem categoria

Vereador pede fim dos shows de malabaristas com facões e fogo nos semáforos de Manaus

O parlamentar citou o Projeto de Lei nº 167/2018 que dispõe sobre a proibição das práticas de mendicâncias e de atividades de malabarismos- foto: divulgação
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

O vereador Wallace Oliveira (Podemos), na manhã de terça-feira (23), cobrou ações do poder público em relação aos malabaristas que utilizam facas, facões, terçados, objetos cortantes e fogo em apresentações nos semáforos da cidade de Manaus.

Wallace Oliveira trouxe, novamente, durante o Grande Expediente o tema que trata sobre o perigo existente nessas atividades. “Quero trazer e reafirmar a minha preocupação com a população da cidade de Manaus dentro de um procedimento que muito me inquieta e que, infelizmente, continua acontecendo nos semáforos e cruzamentos da nossa capital: as atividades de malabares com facas, facões, fogo”, desabafou.

O parlamentar citou o Projeto de Lei nº 167/2018 que dispõe sobre a proibição das práticas de mendicâncias e de atividades de malabarismos com facas e fogo nos cruzamentos e semáforos das vias urbanas da cidade de Manaus; o mesmo está tramitando dentro das comissões.

Além do projeto em tramite na Casa, já foram feitos requerimentos e ofícios a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM) solicitando a fiscalização dessas ações perigosas. “Aquilo é uma faca ou facão, um objeto cortante, uma arma branca. Onde estão os órgãos competentes que não tomam nenhuma posição contra esses atentados à vida das pessoas?”, questionou.

Wallace Oliveira exemplificou sua fala comentando sobre ter visto pessoalmente um malabarista com um facão abordando uma pessoa dentro de um veículo, e após sua apresentação não ter recebido nenhum valor monetário. De acordo com o parlamentar o malabarista começou a bater no para-brisa do veículo com o facão na tentativa de forçar o recebimento de algum valor.

“Hoje mais uma vez trago essa situação a vista de todos e também presto contas às pessoas que tem me procurado para pedir ações efetivas de proteção à vida. Daqui dessa tribuna, eu faço um apelo às autoridades competentes para que olhem para esse cenário e tomem as medidas urgentes e necessárias para acabar com esse risco à saúde e à vida das pessoas que estão em veículos e da população em geral”, finalizou o parlamentar.

Com informações da assessoria