Saúde | AM

Vacinação contra a Covid-19 em Manaus tem mais de 66 mil agendamentos para esta semana

Vacinação Manaus | Covid-19 \ Foto: João Viana
Vacinação Manaus | Covid-19 Foto: João Viana
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

A Prefeitura de Manaus deve vacinar mais de 66 mil pessoas contra a Covid-19 até o próximo sábado, 24/4, com a primeira e segunda dose das duas vacinas: CoronaVac e AstraZeneca.

Os agendamentos podem ser consultados na plataforma da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Imuniza Manaus (https://imuniza.manaus.am.gov.br/). Nesse total estão as pessoas de 35 a 54 anos que tenham alguma das comorbidades especificadas no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, que deverão receber a primeira dose do imunizante.

Também durante a semana está sendo aplicada a segunda dose em idosos que receberam a primeira dose da vacina AstraZeneca/Oxford entre os dias 29/1 e 3/2, e em idosos de 60 a 63 anos e pessoas com diabetes, cardiopatias e obesidade, que tomaram a CoronaVac.

“A prefeitura não está medindo esforços para avançar na vacinação contra a Covid-19. Hoje, completam exatos três meses de mobilização das equipes da Semsa no atendimento às pessoas mais vulneráveis ao vírus em postos estratégicos em todas as zonas da cidade. Com a aplicação da primeira dose, já ultrapassamos algumas metas estabelecidas pelo Ministério da Saúde para alguns grupos prioritários de idosos e também de profissionais de saúde”, disse o prefeito David Almeida.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, chama a atenção das pessoas que deverão tomar a segunda dose da vacina AstraZeneca, para que consultem a data no Imuniza Manaus, onde consta a informação de data e local para ser imunizado.

“Nosso sistema está programado para definir as datas dentro do que orientam os laboratórios, considerando, além disso, o local de moradia do usuário e a capacidade de atendimento dos postos de vacinação, a fim de evitar aglomerações e reduzir o tempo de espera. Aquela anotação feita à lápis, no cartão de vacina, indica a data-limite para a segunda dose e serve de referência para quem, por algum motivo, não conseguiu fazer o cadastro ou consultar o agendamento eletrônico”, orientou.

A autônoma Luciana Coutinho, de 52 anos, tomou a primeira dose de CoronaVac no Centro Cultural dos Povos da Amazônia.

“É muito importante, para que a gente não perca mais pessoas que a gente ama. Eu já perdi e sei como é a dor. Eu apoio e incentivo as pessoas a virem se vacinar”, disse.

Até as 13h desta segunda-feira, já haviam sido aplicadas em Manaus 393.277 doses, sendo 293.202 primeiras doses de CoronaVac e de AstraZeneca e 100.075 segundas doses.

Dados da Semsa, consolidados na última quinta-feira, 15, apontam que foram aplicadas 91% do total de 305,9 mil doses de CoronaVac e AstraZeneca enviadas pelo Ministério da Saúde (MS) para vacinar os grupos prioritários com a primeira dose contra a Covid-19, em Manaus, e que 52% das 164 mil doses de CoronaVac destinadas à segunda dose já foram utilizadas.

Dos públicos já atendidos, a Semsa vacinou, com a primeira dose, 100,7% dos trabalhadores de saúde; 95,9% dos idosos com 80 anos e mais; 91,9% dos idosos de 75 a 79 anos; 93% dos idosos de 70 a 74 anos; 92,3% dos idosos de 65 a 69 anos; e 87,4% dos idosos de 60 a 64 anos.