Mundo

Vacina de Oxford tem eficácia contra novas variantes do Covid-19, afirmam estudos

Vacina Oxford/AstraZeneca | Foto: REUTERS/Dado Ruvic
Vacina Oxford/AstraZeneca | Foto: REUTERS/Dado Ruvic
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

Uma notícias maravilhosa para as pessoas imunizadas contra o Covid-19 através da vacina AstraZeneca/Oxford, pesquisadores da Universidade de Oxford informaram hoje (6) que a vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela universidade em parceria com a farmacêutica AstraZeneca é eficaz contra a variante britânica B.1.1.7. e outras cepas do vírus.

Os testes realizados em laboratório mostraram uma eficácia estimada de 75%.

A vacina de Oxford é uma das aprovadas para uso no Brasil.

O estudo foi divulgado em versão preliminar, sem revisão por outros pesquisadores e são as primeiras descobertas sobre a eficácia do imunizante de Oxford contra novas variantes.

Foram avaliados voluntários com infecção sintomática e assintomática das fases 2 e 3 dos testes, entre outubro de 2020 e janeiro de 2021. Em seguida, os pesquisadores com qual cepa do coronavírus eles haviam sido infectados após a vacinação.

Embora o nível de anticorpos neutralizantes gerados pela vacina seja mais baixo para a variante, a eficácia da vacina é semelhante à da cepa original.