ESPECIAL PUBLICITÁRIO

Sou mãe e tive Covid-19. Posso amamentar?

Amamentação | Foto: Divulgação
Amamentação | Foto: Divulgação
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Com o surgimento da pandemia, muitas mamães que estão na fase da amamentação ficaram receosas e com muitas dúvidas sobre esse momento tão importante para elas e para os seus bebês.

Mas afinal, as lactantes que foram infectadas pela covid-19, podem amamentar?

O médico neonatologista do Sistema Hapvida, Fredson Silva, explica se tem algum problema nessa questão, e como ocorre o processo de recuperação.

“O aleitamento materno exclusivo é sem dúvida o melhor alimento para o bebê até o sexto mês de vida. Com o surgimento da pandemia, dúvidas a respeito do assunto surgiram. Mães infectadas com covid-19, podem amamentar os seus pequenos? O consenso atual é que sim, que aquelas mães que se sintam aptas para dar de mamar a seus bebês que o façam. Apenas recomendamos que o ambiente seja higienizado adequadamente, que lave as mãos antes de tocar no bebê, e que durante todo o tempo em que esteja com a criança nos braços amamentando mantenha o uso de máscara”, destaca o especialista.

O médico ainda faz o alerta para os cuidados no momento em que as mães não estiverem amamentando os seus filhos.

“Naqueles momentos em que o recém-nascido não estiver sendo amamentado, as mães devem guardar uma distância de pelo menos dois metros dos bebês. Desse modo, podemos adquirir uma nutrição adequada com mínimo risco de infecção a estes bebês”, finaliza.