Destaque Manaus

Sepultamentos em Manaus chegam a 50 em um único dia

Covid-19 Sepultamentos manaus | Foto – Ingrid Anne
Covid-19 Sepultamentos manaus | Foto – Ingrid Anne
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Covid-19: Um total de 50 sepultamentos foi registrado nos cemitérios de Manaus nesta quinta-feira, 19/11, sendo cinco tendo como causa a Covid-19, provocada pelo novo coronavírus. Desse quantitativo, 43 foram registrados nos espaços público, sendo 4 como Covid-19, e sete nos espaços privados, sendo um causado pelo novo coronavírus.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), o município é responsável por atestar as causas de mortes somente em casos de ocorrência domiciliar. A maior parte das causas de óbitos são atestadas por médicos dos hospitais e Serviços de Pronto Atendimento (SPAs).

Informe

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), que gerencia os cemitérios públicos da cidade, tem dado transparência aos números de enterros e cremações desde o início da pandemia do novo coronavírus, que teve o pico nos meses de abril (com mais de 2,4 mil sepultamentos e cremações) e maio (com mais de 1,8 mil), com números quase três vezes maiores de enterros que os considerados normais, antes da pandemia.

Neste dia 19, dos 43 registros nos espaços gerenciados pela Semulsp, dois de óbitos oriundos de outras cidades. Não houve opção por cremação.

Foram registrados, também, sete óbitos em domicílio e do total de sepultamentos no sistema público, oito foram a partir do serviço SOS Funeral, gerenciado pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc).

Ainda entre as causas dos enterros nos cemitérios públicos, foram registradas quatro por insuficiência respiratória, uma parada cardiorrespiratória e uma parada respiratória. Também foram registradas três mortes por causas desconhecidas ou indeterminadas.