Cultura | AM

Secretaria de Cultura e Economia Criativa lança agenda virtual para projetos contemplados pela Lei Aldir Blanc

Cineclube Patricia Ferreira | Foto: Divulgação
Cineclube Patricia Ferreira | Foto: Divulgação
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, lança, nesta segunda-feira (29/3), uma agenda virtual para divulgar projetos contemplados pela Lei Aldir Blanc, como os prêmios Feliciano Lana e Encontro das Artes, e também de editais da Prefeitura de Manaus.

Para cadastrar o evento, basta acessar este link (http://bit.ly/aldirblancagenda) e preencher as informações no formulário. Em seguida, o evento será disponibilizado em uma agenda virtual no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br). A Secretaria de Cultura e Economia Criativa também vai divulgar listas dos projetos contemplados para o público no portal e nas redes sociais.

“O intuito é divulgar nossos artistas e estimular o público a conhecer esses trabalhos. São projetos contemplados em diversas áreas e que reúnem centenas de trabalhadores da cultura por trás de cada realização. Queremos que os contemplados de cada projeto, seja do Estado ou do município, cadastrem seus projetos em nossa agenda”, declara o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz.

Posteriormente, a agenda também irá abranger projetos contemplados em editais realizados nos municípios do Estado.

Confira a programação de alguns projetos contemplados:

Oficina: “Nosso Primeiro Filme”
Contemplado no Prêmio Feliciano Lana, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, o projeto realizará oficinas gratuitas, entre 5 e 9 de abril, sobre os principais setores envolvidos na realização de um filme, como roteiro, produção, fotografia, captação de som, composição de trilha sonora e edição.

As inscrições vão até esta terça-feira (30/3) por meio do link: https://forms.gle/VvnLCKtMYRSQMs5K6.

“Pitiú Textual das Artes: Jovens Artistas”

Também contemplado no edital emergencial Prêmio Feliciano Lana, o “Pitiú Textual das Artes: Jovens Artistas” é um projeto on-line com foco em arte, formação e ideias, protagonizado por jovens artistas de Dança, Teatro, Artes Visuais, Literatura e Performance do Amazonas.

A iniciativa promovida pelo Pitiú Textual das Artes terá uma série de oficinas, bate-papos e performances em torno de temáticas e linguagens do fazer artístico contemporâneo. As atividades virtuais são gratuitas e acontecem a partir desta segunda-feira (29/3) até 24 de abril.

Abrindo a agenda de encontro nesta segunda, às 19h, a atriz, bailarina e preparadora corporal Sofia Sahakian troca ideias com os internautas sobre “Dança Improvisação”.

Os links para o bate-papo serão disponibilizados nas redes sociais: Facebook (facebook.com/pitiutextual), Instagram (instagram.com/pitiu_textual) e Twitter (twitter.com/pitiutextual).

Cinema: Cineclube Patrícia Ferreira Pará Yxapy
O Cineclube Patrícia Ferreira Pará Yxapy, contemplado no Prêmio Feliciano Lana que será realizado on-line na segunda quinzena de abril, abriu convocatória para obras de curta-metragem de mulheres cineastas, nortistas, indígenas, lésbicas, bissexuais, trans, travestis, intersexuais e não-bináries.

As realizadoras poderão enviar curtas sobre qualquer temática até o próximo domingo (4/4). A curadoria será realizada pela roteirista, diretora e produtora executiva Elen Linth. Para participar, é necessário enviar o link do filme (pelas plataformas Vimeo, YouTube ou Google Drive) para o e-mail [email protected], com as informações sobre sinopse, ficha técnica e lista de mostras e festivais em que foi exibido (se houver).

O resultado será anunciado no dia 6 de abril, no Instagram do Cineclube. (@cineclubeyxapy).

Festival: Potência das Artes do Norte (PAN)
Com a proposta de amplificar produções cênicas dos sete estados do Norte do país, o festival Potência das Artes do Norte (PAN) será um evento on-line e gratuito, que acontecerá entre 24 e 30 de abril. A iniciativa foi contemplada no Prêmio Feliciano Lana.

Entre as novidades da segunda edição do PAN estão o núcleo de crítica e o pitch. As duas iniciativas buscam promover intercâmbio entre os setores culturais do Norte do Brasil, com foco na profissionalização e no escoamento das produções artísticas para outras localidades dentro e fora do país

O PAN também está nas redes sociais: Instagram (@pan.norte) e Facebook (https://fb.me/pan.norte2020).

Livro: “Mulheres Compositoras: Cartografias e Relações de Poder”
O livro digital “Mulheres Compositoras: Cartografias e Relações de Poder”, da artista e pesquisadora Kely Guimarães, reflete sobre as compositoras atuantes em Manaus. A obra está disponível gratuitamente no site da editora Nova Cartografia Social da Amazônia (PNCSA), http://novacartografiasocial.com.br/lancamento-livro-mulheres-compositoras-cartografias-e-relacoes-de-poder-de-klissy-kely-guimaraes/

O estudo abrange diferentes áreas do conhecimento e apresenta um catálogo com mais de 360 obras compostas por mulheres, além de 150 nomes de compositoras acessados pela pesquisa, que reflete, crítica e interdisciplinarmente, a questão da música como instrumento de trabalho, de resistência, de identidade e de empoderamento das compositoras atuantes em Manaus.

O projeto foi contemplado na categoria Literatura do edital emergencial Prêmio Feliciano Lana.