Esportes | AM

Ronaldinho e Rivaldo perdem espaço no Barcelona após apoio a Bolsonaro; clube se posiciona

Fotos: Instagram/Reprodução
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

Ronaldinho Gaúcho e Rivaldo devem perder espaço no Barcelona após o apoio dos craques ao presidenciável Jair Bolsonaro, do PSL. De acordo com o diário Sport, da Catalunha, o Barcelona decidiu se afastar da imagem dos ex-atletas. Em nota, o time disse que os valores democráticos pregados pelo clube “não coincidem com as palavras que escutamos deste candidato”.

O slogan do time espanhol é “Més que un clube” (mais que um clube). O Barcelona, historicamente, sempre se posicionou a favor da democracia e pela independência da Catalunha, região autônoma da Península Ibérica.

Ainda de acordo com o jornal, algumas sanções podem ser feitas a jogadores que forem contra valores do clube, como o afastamento progressivo de eventos oficiais. O Barcelona ainda não se posicionou claramente sobre a possibilidade de punição, mas, apesar de repudiar a postura de Bolsonaro, afirmou que “respeita a liberdade de expressão” (leia a nota na íntegra abaixo).

“A questão é que o clube tem visto com preocupação não posicionar-se e pedir o voto democraticamente, mas dar o voto explícito a posições totalitárias contra a defesa dos direitos humanos, independentemente do que acabará sendo sua ação governamental”, relata a matéria.

Ronaldinho se posicionou favorável à Bolsonaro no início deste mês, através de seu Instagram pessoal. “Por um Brasil melhor, desejo paz, segurança e alguém que nos devolva a alegria. Eu escolhi viver no Brasil, e quero um Brasil melhor para todos!!!”, escreveu o jogador.

Rivaldo é mais enfático em apoio

Rivaldo também se posicionou e, de acordo com o ex-jogador, o Brasil precisa de um “presidente e não de um pai”. O relato, mais enfático, que o de Ronaldinho, chamou a atenção do público. “Os verdadeiros problemas do Brasil: crise econômica, desemprego, violência, saúde, educação e corrupção. O que discutem nessa eleição: ideologia de gênero, machismo, racismo e feminismo”.

Barcelona se posiciona

Após a repercussão do caso, o clube se posicionou ao Esporte Interativo. Através de uma nota, o time disse que os valores democráticos pregados pelo clube “não coincidem com as palavras que escutamos deste candidato”. O Barcelona reiterou ainda, que respeita a liberdade de expressão.

Fonte: Bhaz