Amazonas

Presidente do TCE-AM prorroga atividades em homeoffice

TCE-AM | Foto: Ascom
TCE-AM | Foto: Ascom
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Considerando a alta permanência no número de casos da Covid-19 no Amazonas, o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), conselheiro Mario de Mello, decidiu prorrogar as atividades da Corte em regime de homeoffice até o dia 2 de abril. Na decisão, o presidente adiou, também, a manutenção do regime híbrido, que deve ocorrer a partir da mesma data.

“A leve queda nos números de infecção mostrou que as medidas de restrição estão sendo eficazes nesse sentido. Por isso, precisamos permanecer contribuindo com o decréscimo da curva até que a população possa se vacinar. Os trabalhos continuam, nos adaptamos para esse momento e o Tribunal não parou” destacou o presidente do TCE-AM, conselheiro Mario de Mello.

Na Portaria nº 50/2021, publicada no Diário Oficial Eletrônico desta sexta-feira (26), fica definido o regime de trabalho exclusivamente remoto até o dia 2 de abril. Após essa data, caso o panorama seja favorável, o Tribunal deve iniciar, de forma gradual, um regime híbrido até o dia 31 de maio.

ATENDIMENTO VIRTUAL

O atendimento ao público permanece acontecendo de forma remota por meio do Robô Jarvis, para dúvidas gerais, no WhatsApp (92) 98463-8467. Denúncias, reclamações e sugestões podem ser feitas por meio do e-mail [email protected], ou pelo WhatsApp (92) 98815-1000.

Para a emissão de protocolos na Corte de Contas, o contato deve ser feito pelo e-mail [email protected], das 7h às 14h de dias úteis.

Com informações de Lucas Silva