Educação | AM

Prefeitura e Instituto Ayrton Senna firmam parceria para combater analfabetismo em Manaus

Foto: Asafe Augusto de Oliveira / Semed
Foto: Asafe Augusto de Oliveira / Semed
Escrito por Zukka Brasil | AM

Com o intuito de buscar melhorias no processo de aprendizagem e ensino, e maior apoio aos estudantes da educação básica, a Prefeitura de Manaus firmou um Termo de Licenciamento com o Instituto Ayrton Senna. O documento foi assinado nesta sexta-feira, 15/4, pelo titular da Secretaria Municipal de Educação, Pauderney Avelino, e autoriza a utilização das metodologias do instituto na rede pública municipal de ensino.

Segundo Pauderney Avelino, as ações vão iniciar no mês de maio, quando está prevista a volta às aulas híbridas no município. São programas de correção de fluxo como o “Se Liga” e “Acelera”, e de reforço escolar, como o “Pit Stop” e “Fórmula da Vitória”; além do programa de “Política de Alfabetização”.

“É uma preocupação desta gestão, que o prefeito David Almeida tem, em combater o analfabetismo e a evasão escolar. Além disso, também será disponibilizado aos nossos alunos, um reforço escolar que é fundamental neste momento, para o crescimento da qualidade do ensino. São programas de resgate das nossas crianças”, pontuou.

De acordo com a coordenadora municipal do Instituto Ayrton Senna e da Semed, Neuza Viana, além da assinatura do termo, também foram discutidas ações para o combate ao analfabetismo e à distorção idade-série.

“São ações que geram políticas públicas sérias e que determinam com essa nova administração da prefeitura, uma força muito grande de fazer da educação de Manaus, uma educação que brilhe e que nossos estudantes brilhem junto”, disse Neuza.

A parceria entre a Semed e o Instituto Ayrton Senna abrange a participação de 98 professores e 70 escolas. Nos programas de correção de fluxo serão atendidos dois mil alunos, do 3º ao 5º ano, em distorção idade-série. Os programas de alfabetização vão focar em alunos do 4º ano, e o programa de reforço escolar vai atender cerca de seis mil alunos neste ano.