Amazonas

Prefeito de Manaus terá Contas 2019 julgadas hoje (23) pelo TCE-AM

Arthur Virgílio Neto
Arthur Virgílio Neto | Foto: SEMCOM
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Manaus – As contas do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), referente ao exercício de 2019, serão julgadas hoje (23) durante sessão no Pleno do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), a partir das 10h com transmissão pelas redes sociais do TCE-AM (YouTube, Facebook e Instagram).

O processo conta com quase cinco mil páginas e é referente ao terceiro ano de gestão do prefeito da capital amazonense.

Devem participar da sessão especial os membros do Tribunal Pleno, além de Arthur Neto conforme solicitado pelo relator, com a concordância do conselheiro-presidente do TCE-AM, Mário de Mello, e outros convidados.

Em 2019, o orçamento executado pela Prefeitura de Manaus foi de aproximadamente R$ 6,1 bilhões (distribuído em mais de 50 unidades gestoras do município), as contas foram analisadas por técnicos do TCE, integrantes da Comissão das Contas do Prefeito, sob a coordenação do conselheiro Josué Filho.

Após o julgamento, o Pleno do TCE-AM, emitirá um parecer prévio (técnico e opinativo), que será encaminhado à Câmara Municipal de Manaus (CMM), que fará a apreciação política das contas de Arthur Neto.

Improbidade

Recentemente o Ministério Público do Amazonas (MP-AM) iniciou uma investigação contra Arthur Neto e outros servidores da Prefeitura de Manaus por improbidade administrativa no Caso Flávio.

Segundo promotor de Justiça Hilton Serra Viana, Arthur e os servidores emprestaram veículos oficiais para Alejandro.

Questionado sobre o assunto, Arthur disse que achou uma atitude ‘ridícula’ e criticou a ação do MP-AM.

“Sinceramente, me causa uma grande decepção. Achei simplesmente ridícula. Não são todos, mas tem gente fazendo uma brincadeira eleitoreira para tentar manchar uma reputação. Deus me deu capacidade para enfrentar a Covid-19 e me poupou o sentimento do medo. Essa atitude denigre o MP-AM. Que diabo de procedimento é essa? Eles querem dizer que eu matei a pessoa? A pessoa deve ser muito doida e traiçoeira”, disse Arthur Neto.

A declaração de Arthur aconteceu durante a entrega 112 novos ônibus na tarde da última terça-feira (15) na avenida do Samba, ao lado do Sambódromo, bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus.