Destaque Saúde

Planejamento amador do Ministério da Saúde faz capitais brasileiras suspenderem vacinação por falta de doses

Vacinação | foto: internet
Vacinação | foto: internet
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

Em meio a um novo pico de casos e mortes pelo coronavírus, algumas capitais brasileiras tiveram que suspender a vacinação da população contra a doença por conta da insuficiência de doses. Entre elas, está as cidades de Salvador e Cuiabá, uma das primeiras a interrompê-la.

Cuiabá também teve que encerrar a imunização pelo mesmo motivo, porém com a aplicação das segundas doses, pois foram reservadas. Rio de Janeiro foi outro que anunciou a interrupção da vacinação por falta de vacinas.

A partir de hoje (17), a população carioca não poderá receber a injeção.

Além disso, as cidades de Florianópolis e Fortaleza temem um fim próximo dos imunizantes para a primeira dose, correndo o risco de ter que suspender a imunização em breve.

Até a noite de ontem (16), cerca de 5,5 milhões de pessoas no Brasil foram vacinadas, segundo o consórcio de veículos de imprensa.