Política

PDT volta atrás à PEC dos Precatórios após ameaça de Ciro Gomes

PEC dos Precatórios Ciro Gomes Pré-candidatura Eleições 2022
Foto: Sérgio Lima
Escrito por Zukka Brasil

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) formalizou nesta terça-feira (9) que mudou de posição e vai orientar o voto contrário à PEC dos Precatórios na sessão de hoje. 

Com a decisão, o presidente da sigla, Carlos Lupi, declarou que pelo menos 11 dos 15 parlamentares que se manifestaram favoráveis à medida no primeiro turno irão mudar de voto.

“Não basta dizer que é da oposição, tem que parecer que é da oposição”, disse Carlos Lupi em coletiva na sede do partido, em Brasília.

Segundo ele, foi preciso “seis dias” de “muitas palavras, amizade, respeito, convencimento, e unidade partidária” para levar à reversão do voto dos parlamentares. Os quatro que não irão seguir a orientação da bancada estão de saída do PDT, como o deputado Alex Santana que gosta de exibir fotos e vídeos ao lado do presidente Jair Bolsonaro.

A informação foi divulgada pelo jornal O Globo.