Campo Grande Mato Grosso do Sul Politica | MS

O coordenador regional da Funai MS, José Magalhães Filho, foi exonerado!

José Magalhães Filho - Funai MS
Exoneração Funai MS - José Magalhães Filho
Zukka Brasil | MS
Escrito por Zukka Brasil | MS

Campo Grande – O coordenador regional da Funai MS (Fundação Nacional do Índio – MS), José Magalhães Filho, foi exonerado. O decreto consta na edição desta segunda-feira (24) do Diário Oficial da União (DOU).

José Magalhães, foi indicado pela senadora Soraya Thronicke (PSL-MS). Esta exoneração ocorre logo após o Palácio do Planalto prometer retaliar parlamentares governistas no Senado que votaram para derrubar veto presidencial sobre congelamento da folha do funcionalismo público até 2021. O ato é assinado pelo secretário-executivo do ministério da Justiça e Segurança Pública, Tercio Tokano.

Magalhães que é militar reformado, foi nomeado em fevereiro,entretanto foi afastado diversas vezes pela Justiça Federal por opiniões e falas um tanto controversas. O militar teve retorno ao cargo aprovado na última segunda-feira (17). Assumiu a coordenação da Funai em fevereiro deste ano e ficou afastado da função por três meses, a partir de maio, após imbróglio na Justiça. A nomeação de José Magalhães Filho à Funai em Campo Grande foi alvo de protestos. O então coordenador chegou a convocar a Polícia Federal ao prédio da entidade, o que deixou a relação com os povos indígenas ainda mais hostil.

Os representantes dos povos indígenas foram à Justiça Federal contra a indicação de Magalhães Filho ao cargo e conseguiram medida liminar, que determinou a suspensão da nomeação.A ação foi ajuizada após entrevistas do coordenador com falas carregadas preconceito social e racismo quando se referia aos povos indígenas. 

José Magalhães Filho, já chegou a concorrer a deputado estadual nas eleições 2018 pelo PSL, mas não foi eleito.

Com informações de apoio Correio do Estado e Campo Grande News