Amazonas Destaque

Manicoré recebe usina de oxigênio em hospital do município

Governo do Amazonas Wilson Lima Manicoré Usina de Oxigênio
Foto: Arthur Castro
Escrito por Zukka Brasil | AM

O governador Wilson Lima entregou, nesta sexta-feira (10/12), uma usina de oxigênio com capacidade de produção de 13 metros cúbicos por hora (m³/hora) no município de Manicoré (a 332 quilômetros da capital). A estrutura permite que o município seja autossuficiente na produção de oxigênio hospitalar.

O equipamento foi adquirido pelo Governo do Amazonas para ampliar a geração e oferta de oxigênio no Hospital Regional de Manicoré. Atualmente o Estado conta com 38 usinas em funcionamento, distribuídas em 27 municípios, incluindo a capital. Desse total, oito usinas estão instaladas na capital e 30 no interior.

Durante a entrega da usina, Wilson Lima destacou os investimentos do Estado na saúde e infraestrutura do município.

“Há muitos investimentos que nós estamos fazendo aqui. Só neste mês, nós estamos passando a última parcela do FTI, sendo um recurso destinado para área da saúde, algo em torno de R$ 800 mil. Nós estamos entregando uma usina de oxigênio que custou cerca de R$ 500 mil. Já fizemos um convênio de R$ 17 milhões para pavimentação de quatro bairros do município”, ressaltou o governador.

O total de recursos do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI) enviado para os municípios já soma R$ 123,4 milhões, em 2021. Os valores foram repassados para as prefeituras em quatro parcelas.

Além de secretários de Estado, acompanharam o governador os deputados estaduais João Luiz, Joana Darc, Adjunto Afonso, Roberto Cidade, Cabo Maciel e Dr. Gomes.

Usinas instaladas – Ao todo, o governo pretende instalar 72 usinas de oxigênio. Desse total, 29 usinas estão em processo de aquisição (20 para a capital e 9 para o interior) e mais cinco usinas estão em fase de instalação, duas na capital e três no interior.

Os equipamentos somam aquisições do Governo do Estado, Governo Federal e prefeituras, além de doações de instituições privadas e organizações não governamentais (ONGs).

As implantações de usinas de oxigênio são ações do Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), coordenadas pelo Núcleo de Modernização da Infraestrutura da Saúde (Infrasaúde), que visita os municípios e realiza as adaptações na estrutura das unidades de saúde para recebimento dos equipamentos.

Mais equipamentos – A previsão é que, neste mês, o governador faça a entrega de uma usina com capacidade de produção de 13 metros cúbicos por hora (m³/hora) para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) São Raimundo, na zona oeste da capital. O equipamento foi remanejado da enfermaria de campanha montada pelo Exército Brasileiro na área externa do Hospital Delphina Aziz, desmobilizada em abril deste ano.

Além da usina, o SPA receberá um tanque de oxigênio com capacidade 1,7 mil metros cúbicos por hora (m³/hora), instalado pela empresa White Martins Gases.