Saúde | RR

Mães são orientadas sobre prematuridade no Novembro Roxo

Novembro Roxo. Imagem Divulgação
Novembro Roxo. Imagem Divulgação
Zukka Brasil | RR
Escrito por Zukka Brasil | RR

A manhã desta terça-feira, 03, foi de surpresa para a dona-de-casa, Milena Sousa, ao levar ao filho para consulta médica no CRSM (Centro de Referência da Saúde da Mulher). Mãe de bebê prematuro, ela participou do primeiro dia da programação do “Novembro Roxo”, mês de sensibilização sobre a importância dos cuidados com a prematuridade.

Para Milena, que participou da oficina de Shantala com a equipe do Follow Up e a fisioterapeuta Márcia Sartor, a oficina foi de grande importância.

“A iniciativa ajuda a gente a ter um controle maior sobre as crianças. Foi ensinado passo a passo, e o bacana da fisioterapia, é que ela nos ensina a cada movimento o que fazer. Meu bebê ficou muito tranquilo”, agradeceu a mãe.

De acordo com a pediatra Ana Carolina Brito, que integra a equipe médica do CRSM durante todo o mês, o Centro de Referência realizará uma programação especial voltada aos bebês prematuros que já são atendidos da Unidade, além dos atendimentos normais.

“Os atendimentos serão mantidos, além da programação que estaremos desenvolvendo. Os bebês prematuros são muito especiais, eles precisam desse acompanhamento da equipe multiprofissional para que possamos assegurar o crescimento e o desenvolvimento sem atrasos”, explicou a médica.

SENSIBILIZAÇÃO

No dia 17 de novembro, é comemorado o Dia Mundial da Prematuridade. A data tem como objetivo chamar a atenção da sociedade para a importância dos cuidados durante a gestação para a garantia da saúde para a mãe o bebê.

No HMNSN (Hospital e Maternidade Nossa Senhora de Nazareth) o nascimento de bebês prematuros subiu de 218 nos primeiros sete meses do ano passado, para 293 bebês prematuros, no mesmo período deste ano.

A médica ressalta que o “Novembro Roxo” é o mês da conscientização da prematuridade, onde se busca chamar atenção da sociedade para a melhoria nos cuidados dos bebês prematuros e suas famílias.

“As mulheres precisam estar atentas aos sinais que indicam a necessidade de algum tipo de cuidado importante com a gestação. Esse olhar atento é fundamental para que ela possa se conhecer e saber como está a sua saúde nesse período tão importante para ela e para o bebê, por isso é preciso falar sobre esse tema e provocar a discussão entre as pessoas”, complementou.

PROGRAMAÇÃO

O CRSM estará durante todo o mês com uma programação voltada aos bebês prematuros. Na quarta-feira, 04, e na sexta-feira, 06, a partir das 8h, será realizado em parceria com o Clínica da Criança o teste da orelhinha, em pacientes que forem ao atendimento normal. O exame será realizado no CRSM.

Na próxima terça-feira, 17, haverá atividade externa com a oficina de banho de Ofurô e Shantala com a equipe do Follow Up e com a Fisioterapeuta Márcia Sartor.