Segurança | AM

Jovem é preso por autoria de roubos a drogarias na avenida Darcy Vargas

roubo
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação do 22° Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando da delegada Juliana Tuma, titular da unidade policial, cumpriu na manhã de terça-feira (2/4), por volta das 10h30, mandado de prisão preventiva em nome de Richardson Pantoja Melo, 19, conhecido como “Chita”, pela autoria de roubos a drogarias ocorridos em dezembro de 2018.

O resultado da ação policial foi apresentado durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta quarta-feira (3/4), no prédio do 22° DIP. Na ocasião, a delegada Juliana Tuma informou que “Chita” possui dois roubos confirmados a drogarias na avenida Darcy Vargas, bairro Chapada, zona centro-sul da capital. No entanto, o infrator é investigado também por outros roubos a estabelecimentos comerciais que estão sendo apurados pela equipe do 22° DIP.

“A ajuda da população e dos veículos de Comunicação, após divulgarmos a foto do infrator, foi imprescindível para a localização de ‘Chita’. Recebemos muitas informações, por meio de mensagens e ligações de populares, a partir do número (92) 99962-2437, o disque-denúncia da delegacia. Verificamos que ele havia empreendido fuga para um município do Estado, mas retornou para Manaus, e nesse momento conseguimos prender Richardson”, disse Tuma.

O jovem foi preso pelos policiais civis do 22º DIP na casa da companheira dele, situada no bairro Redenção, zona centro-oeste da capital. O mandado de prisão preventiva por roubo majorado em nome de Richardson foi expedido no dia 18 de fevereiro deste ano, pela juíza Anagali Marcon Bertazzo, da 6ª Vara do Tribunal do Júri.

“Ao longo das investigações percebemos que Richardson agia de forma violenta com as vítimas dos roubos. Em uma das ações criminosas na drogaria do bairro Chapada, gravada por câmeras de segurança instaladas no local, observamos o infrator insultando as vítimas com palavras de baixo calão e amedrontando pessoas que estavam no lugar, exibindo uma arma de fogo”, declarou Tuma.

A titular do 22° DIP ressaltou que, durante consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), foi verificado que Richardson já possui passagem pela polícia por roubos. “Peço a quem reconhecer Richardson como autor de outros roubos para comparecer aqui na delegacia, situada na rua Libertador, bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul da capital, a fim de realizarmos os procedimentos cabíveis”, orientou.     

Richardson foi indiciado por roubo majorado. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, ele será levado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde deverá ficar à disposição da Justiça.

FOTOS: Alailson Santos / PC-AM