Destaque Economia | AM

Interior do Amazonas já beneficiou 70 mil famílias com Auxílio Estadual Permanente

Auxílio Estadual Permanente Amazonas
Foto: Arthur Castro
Escrito por Zukka Brasil | AM

Nesta segunda-feira (06/12), o governador Wilson Lima comemorou que o Estado ultrapassou a marca de 70 mil famílias beneficiadas com o Auxílio Estadual Permanente nos municípios do interior. Com o calendário desta semana, populações em situação de pobreza e extrema pobreza de mais 18 cidades amazonenses são incluídas no programa de transferência de renda.

Ao lado da primeira-dama Taiana Lima, o governador acompanhou as mobilizações para entrega do cartão que permite o saque do recurso em Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus), na tarde desta segunda-feira. Amanhã, Wilson Lima estará em Envira e Carauari. Até esta segunda, 50% dos beneficiários do interior já haviam sido atendidos.

“Em todo o estado serão 300 mil famílias e já conseguimos entregar a mais de 205 mil. No interior, chegamos a 50% das famílias que vão ser contempladas. Até o dia 15, vamos atingir todos os municípios. Isso é importante, nesse momento de Natal, em que as famílias estarão reunidas, em que os amigos estarão reunidos para celebrar e fazer essa reflexão, do que foi o ano de 2021 e começar a se planejar para 2022”, pontuou o governador.

Para muitos moradores de Eirunepé, a chegada do cartão Auxílio Estadual de forma permanente é a oportunidade de garantir um Natal com dignidade e mesa farta. É o caso da desempregada Rosenilda Alves de Araújo, mãe de cinco filhos.

“Ele [auxílio] vai me ajudar a comprar alimentos para os meus filhos, comprar o alimento do Natal, a ceia de Natal. Eu agradeço muito ao governador pelo que ele está fazendo, porque eu sou uma mãe solteira com cinco filhos para criar, desempregada. Então eu agradeço muito por outras mães também, que acredito que se encontram na mesma situação que eu”, disse.

Com o benefício mensal no valor de R$ 150, a estimativa é de que cerca de R$ 400.950 sejam injetados na economia de Eirunepé mensalmente, o que resulta em mais de R$ 4,8 milhões por ano.

Ao todo, 39 municípios já estão com agenda de distribuição dos cartões ativada. Na capital, a entrega aos retardatários ocorre até o dia 10 e está concentrada no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola, na zona norte da capital.