Brasil

Impensável anos atrás, Praia de Copacabana fica vazia na noite da virada 2021

Um panorama da praia de Copacabana na virada de ano, em meio ao surto da doença coronavírus (COVID-19), no Rio de Janeiro, Brasil 31 de dezembro de 2020. | Foto: Lucas Landal
Um panorama da praia de Copacabana na virada de ano | Foto: Lucas Landal
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

A Praia de Copacabana, símbolo da festa da virada do ano no país, que chega a reunir 3 milhões de pessoas no réveillon, recebeu ontem (31) apenas pequenos grupos para passar a meia-noite. Com a festa oficial cancelada na cidade do Rio de Janeiro, sem a tradicional queima de fogos nem palcos com atrações musicais em diversos pontos da cidade, os moradores e turistas respeitaram a recomendação de ficar em casa e evitar aglomerações.

O objetivo é diminuir o contágio da covid-19, que nos últimos dois meses voltou a aumentar em todo o Brasil e já está na casa das 195 mil vítimas fatais. Ontem (31), um laboratório de São Paulo confirmou a identificação de uma variante do novo coronavírus que pode ser mais transmissível, já amplamente encontrada na Inglaterra e nos Estados Unidos.

De acordo com a Polícia Militar, não houve um número expressivo de ocorrências na noite da virada.

“Nossas equipes passaram a noite atuando no intuito da conscientização, dialogando com a população e dispersando pequenos e médios grupos de pessoas”. A corporação informou que essas ações não geram registros.