Boa Vista

Guarda Municipal de Boa Vista alerta sobre uso de máscaras em espaços públicos

Guarda Municipal | Foto: SEMUC
Guarda Municipal | Foto: SEMUC
Zukka Brasil | RR
Escrito por Zukka Brasil | RR

Boa Vista – A capital Boa Vista possui ruas largas e inúmeras praças que são um convite à prática de atividade física. Mas em tempo de pandemia, é preciso redobrar os cuidados para evitar a contaminação com o novo coronavírus. É por isso que guardas municipais orientam a população durante esta semana sobre o uso obrigatório da máscara. Nesta quarta, 23, uma bliz educativa aconteceu nas avenidas Brigadeiro Eduardo Gomes, Ville Roy e Glaycon de Paiva.

Durante a abordagem, os guardas informam sobre o Decreto Municipal 73, publicado no dia 14 de julho, que estabelece o uso obrigatório de máscaras no município de Boa Vista e prevê a aplicação de multa no valor de R$ 50. Em geral, a população tem recebido com bons olhos a ação.

O recepcionista João da Silva Queiroz aproveitou que as luzes do complexo Ayrton Senna foram acesas e foi se exercitar, pois está se preparando para um concurso que exige a prática de atividade física. Ele entendeu o motivo da exigência.

“Infelizmente, tem acontecido muitos casos, com mortes, muitas pessoas com coronavírus. Mas, se a gente se prevenir, tem como combater”, acredita ele.

O subinspetor da Guarda Civil Municipal, Tiago Ribeiro, diz que muitos acreditam que, por estarem se exercitando sozinhos, não precisam usar o equipamento.

“Independe se você estiver só, com 10 ou 50 [pessoas]. Saiu de casa, máscara no rosto”, alertou ele.

Foi isso que aconteceu com a confeiteira Grazy Maia, que também é ciclista. Ela acreditava que só deveria sair de máscara se tivesse em grupo. Após as explicações sobre o decreto, prontamente colocou o acessório importantíssimo para evitar a contaminação.

“As pessoas não aguentam mais ficar dentro de casa o tempo todo. Sair é bom até para mente. Mas, para a gente cuidar do corpo, o uso da máscara é fundamental”, disse ela.

O cuidado com o uso do equipamento deve ser constante, até porque as próximas etapas do Plano de Reabertura do Comércio dependem do comportamento da população.

“A própria Guarda Municipal, além de outras equipes da prefeitura, estão fornecendo máscaras, de forma que a intenção é que as pessoas adquiram consciência e utilizem o equipamento pra evitar o contágio e pra poder alcançar as próximas etapas do Plano de Reabertura”, disse o secretário municipal de Segurança Urbana e Trânsito, Raimundo Barros.

Uso obrigatório – O Decreto Municipal 73 está em vigor desde o dia 20 de julho e prevê a aplicação de multa pela Guarda Civil Municipal no valor de R$ 50 a quem se recusar a usar máscara. Durante a abordagem, guardas vão solicitar a documentação pessoal do cidadão. A multa ficará vinculada ao CPF, com um procedimento para emissão e prazos para defesa. Os valores vão para as contas do Tesouro Municipal e serão usados nas ações de combate à pandemia.

Veja o link com o Decreto Municipal sobre o uso obrigatório de máscaras:
http://retomada.boavista.rr.gov.br/arquivos/Decreto_73.pdf