Destaque Esportes | AM

Governo do Amazonas vai patrocinar futebol amazonense e conceder fomento às federações esportivas

Governo do Amazonas \ Foto: Diego Peres e Herick Pereira / Secom
Governo do Amazonas Foto: Diego Peres e Herick Pereira / Secom
Escrito por Zukka Brasil | AM

O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou, na tarde deste sábado (22/05), o patrocínio de R$ 2,5 milhões aos times de futebol profissional amazonense – masculino e feminino – e o pagamento de fomento no valor de até R$ 40 mil para 37 federações esportivas do estado realizarem projetos para o setor. Com essas operações e o Auxílio Estadual para profissionais do esporte, as medidas anunciadas neste ano pelo governador para o segmento chegam a mais de R$ 6,9 milhões.

O anúncio do patrocínio e do pagamento de fomento ocorreu na Arena da Amazônia, minutos antes do jogo da final do Campeonato Amazonense 2021, entre os times Manaus Futebol Clube e São Raimundo Esporte Clube. Segundo Wilson Lima, o esforço do Governo do Amazonas para atender o setor será um socorro financeiro mediante as perdas causadas pela pandemia.

“Houve alguns setores que foram muito prejudicados. Os setores do turismo, da cultura, do esporte, foram os primeiros a terem suas atividades interrompidas. Nós avançamos o apoio para profissionais da cultura, profissionais do turismo e, também, para os profissionais do esporte. E hoje, nós estamos fazendo um anúncio para a abertura de um edital de até R$ 40 mil para 37 federações das mais diferentes modalidades; e estamos anunciando também um patrocínio de R$ 2,5 milhões para os times”, destacou o governador.

Os anúncios do governador do Estado foram bem recebidos pelas federações e dirigentes dos clubes.

“O esporte é saúde, o esporte é lazer. E, nesse momento de pandemia, o governador, sensibilizado, também aporta recursos para o nosso futebol, onde atletas estão sem receber em muitos clubes, são famílias inteiras que vivem e dependem do esporte, e não é só futebol. O governador está vendo o esporte de uma maneira geral”, disse Luís Mitoso, presidente do Manaus Esporte Clube.

Patrocínio – O Governo do Amazonas vai repassar a verba por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (FAAR) para a Federação Amazonense de Futebol (FAF) que, por sua vez, realizará o pagamento aos clubes.

Cada um dos nove clubes que participaram do Campeonato Amazonense de Futebol 2021 receberá R$ 100 mil. Será repassado o valor de R$ 75 mil a dois times Amazonenses que estarão no Campeonato Brasileiro série D. O clube participante do Campeonato Brasileiro série C receberá o patrocínio de R$ 200 mil.

Além disso, dois clubes participantes do Campeonato Brasileiro série A2 Feminino receberão o patrocínio de R$135 mil cada. O patrocínio do Governo do Amazonas engloba, ainda, o valor R$ 280 mil para a operacionalização do Campeonato Amazonense 2021, por custo de jogos; e a cota master de patrocínio da Federação Amazonense de Futebol no valor de R$ 700 mil.

Fomento – O fomento anunciado pelo governador Wilson Lima vai beneficiar 37 federações, com o valor de R$ 40 mil para cada uma delas, perfazendo um investimento de R$ 1.480.000,00. Serão credenciados projetos de atividades esportivas olímpicas, paraolímpicas e não olímpicas, federadas por meio da Lei 9.615, de 24 de março de 1998, mais conhecida como Lei Pelé.

Por meio da Faar, o Governo do Amazonas vai lançar um Chamamento Público e a previsão é que o edital seja divulgado até o fim deste mês. As federações terão que apresentar o Plano de Trabalho; e o cronograma inclui a prestação de contas em outubro deste ano. Entre os critérios, será exigido que as federações não estejam com irregularidades fiscais.

“Podem participar todas as federações devidamente regularizadas com essa questão fiscal e documental. Depois de lançado o edital, quem tiver interesse de participar, terá 30 dias para apresentar um plano de trabalho. Dentro desse plano, as atividades precisam ter valor de R$ 30 mil a R$ 40 mil para que eles possam desenvolver, a partir de julho, essas atividades desportivas“, destacou o diretor-presidente da FAAR, Jorge Elias Costa.

Auxílio Estadual – Ao ampliar a política do Auxílio Estadual – que repassa aos beneficiados o valor de R$ 600, divididos em três parcelas – o governador Wilson Lima incluiu, em abril, atletas, paratletas e profissionais de educação física, que vivem em situação de vulnerabilidade social. Para o programa, especificamente em relação ao Esporte, foram destinados R$ 3 milhões para beneficiar os profissionais do segmento.

O benefício que já atendeu 100 mil famílias em situação de extrema pobreza em todo o estado, agora, além do esporte, beneficia profissionais da Cultura e Turismo. Nesses três segmentos, são alcançadas 13 mil pessoas.

Outras 100 mil famílias, em todo o estado, que tiverem as casas invadidas pela água dos rios, serão beneficiadas com cartões do Auxílio Estadual Enchente, no valor de R$ 300.