Amazonas

Governo do Amazonas distribui 50 toneladas de alimentos e beneficia 3.500 famílias por meio da Seas e ADS

Projeto “ADS Solidária” Governo do Amazonas SEAS
FOTOS: Divulgação/Seas
Escrito por Zukka Brasil | AM

Um total de 50 toneladas de alimentos distribuídos e mais de 3.500 famílias em situação de vulnerabilidade atendidas. Esse é o balanço da ação emergencial de segurança alimentar e nutricional do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas) e Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), na última semana do mês de maio.

A doação de frutas, verduras, legumes e alimentos prontos faz parte do projeto “ADS Solidária”. O objetivo, de acordo com a secretária titular da Seas, Alessandra Campêlo, é minimizar o impacto socioeconômico da pandemia da Covid-19 e da cheia histórica nos segmentos sociais mais vulneráveis da população.

Números – Na ação mais recente executada pela Seas e ADS, foram atendidas mais de 3.500 famílias cadastradas em 26 instituições socioassistenciais, que dividiram um total de 50 toneladas de alimentos (macaxeira, banana in natura, banana pacovã, laranja, tangerina, abóbora e cará). O balanço é referente somente às entregas feitas pela Seas na última semana de maio, nos dias 27 e 28.

Como funciona – De acordo com a secretária executiva da Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan/Seas), Erika Bernardes, a parceria com a sociedade civil é o que faz as doações de frutas, verduras, legumes e alimentos prontos chegarem à mesa dos cidadãos que mais precisam.

Nessa corrente governamental do bem, todos os itens repassados às secretarias da área social, como Seas, Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) e Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), são redistribuídos para as instituições. O alimento, por fim, chega à ponta, e faz a diferença na casa das pessoas, muitas delas com orçamento apertado devido aos impactos da pandemia da Covid-19 e da enchente histórica na vida das famílias.