Destaque Entretenimento

FVS-RCP vista Arena da Amazônia para evento do Whindersson Nunes neste sábado (11/12).

FVS-RCP Arena da Amazônia Whindersson Nunes
Foto: Reprodução
Escrito por Zukka Brasil | AM

Autoridades da Saúde realizaram, nesta quinta-feira (09/12), uma visita técnica na Arena da Amazônia, em Manaus, para conferir se os protocolos sanitários, apresentados para o Comitê de Enfrentamento da Covid-19, estavam sendo seguidos para o evento Whindersson Nunes, programado para este sábado (11/12).

Participaram da visita técnicos da Secretaria de Estado da Saúde do Amazonas (SES-AM), da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa/Manaus) e representantes dos órgãos de Controle.

Durante a visita técnica, a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, aplicou o protocolo de checagem utilizado pela Vigilância Sanitária em eventos de shows musicais com presença de público.

“Foram apresentados e respondidos todos os itens necessários para a realização do evento, amenizando o risco”, informa a gestora.

A diretora do departamento da Vigilância Epidemiológica/Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa/Manaus), Marinélia Ferreira, explica que este é o momento de checar as questões operacionais.

“Todos os órgãos de saúde e também os controladores têm o mesmo objetivo: garantir o cumprimento das medidas de prevenção de combate à Covid-19 e as demais doenças de transmissão respiratórias”, salienta.

Conforme a gerente de marketing da produtora MB Eventos, Loren Lunière, a visita é importante para ser conferido, na prática, o projeto apresentado e autorizado pelo Comitê de Enfrentamento da Covid-19.

“Passamos por crivo rigoroso dos órgãos estaduais e municipais. O nosso compromisso é que as medidas sejam respeitadas e acompanhadas de perto pelos órgãos competentes durante o evento”, informou.

Acesso ao evento – Será necessário a apresentação do cartão de vacina com a situação vacinal completa, distanciamento social, disponibilidade de álcool gel e o uso da máscara no ambiente.