Destaque Saúde

Frustrante!! Amazonas clama por início da vacinação, mas Pazuello não garante data de inicio em Manaus

Ministro Eduardo Pazuello | Foto: reprodução
Ministro Eduardo Pazuello | Foto: reprodução
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Pazuello em Manaus: Angústia é a tradução para o que o povo amazonense, digamos brasileiro, estão sentindo com esse impasse por parte do governo federal no ponta-pé inicial à vacinação da população. Esperando por essa resposta, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, repetiu em Manaus, no Amazonas, o que já vem dizendo ao país: não há data definida para início da vacinação contra o coronavírus (covid-19).

Para Pazuello, existem três prováveis períodos como possiblidade de datas. A mais próxima e otimista para os brasileiros seria para o dia 20 de janeiro, uma nova data intermediaria seria para daqui a 1 mês, ou seja, 10 de fevereiro, e uma terceira data de vacinação que só teria inicio a partir do mês de março, acreditem !!

Na previsão mais otimista do ministro, a vacinação começaria em nove dias, no dia 20, em caráter emergencial. Ocorre que, para isso, o país teria disponibilidade de apenas 6 milhões de doses, que é o único pedido da vacina chinesa coronavac que existe na Anvisa (Agência Nacional de Saúde).

Os chineses, em parceria com o instituto brasileiro Butantan, está em produção de outras 2 milhões de doses. Contudo, para estas não há ainda pedido de autorização.

Pazuello reafirmou que o governo federal já encomendou 100 milhões de doses da coronavac, mas sem um escalonado de datas para entrega das mesma em todo o Brasil.