Esportes | AM

Flamengo possui documento que anula cobrança de Abel por bonificações

Flamengo Abel
Flamengo Abel
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

O técnico Abel Braga viu seu nome ligado novamente ao Flamengo, clube que comandou no começo de 2019, antes da contratação do atual treinador Jorge Jesus.

Abel declarou que iria à Justiça para reivindicar os valores referentes a metas conquistadas em sua passagem pelo Rubro-negro. Mas a diretoria do clube afirma que o treinador não tem direitos a débitos futuros.

Segundo o jornal O Dia, o vice-presidente jurídico e vice presidente do clube, Rodrigo Dunshee, afirmou que Abel Braga assinou documentos que comprovam que ele não teria direito a benefícios por vir.

“O documento firmado quando ele (Abel Braga) saiu diz que o valor que ele recebeu naquele momento era tudo que cabia a receber. Abel deu quitação, e o Flamengo também. Ele estava assistido pelo advogado.”, disse Rodrigo ao jornal.

A declaração de Rodrigo Dunshee foi feita um dia após a entrevista de Abel para a Rádio Geral, da imprensa gaúcha.

O treinador declarou que tinha direito a algumas bonificações e que merecia uma porcentagem por ter participado de alguns jogos que, segundo ele, levou o time ao resultado final.

Abel Braga ficou no Flamengo por quase seis meses e depois pediu demissão no fim de maio ao descobrir que a diretoria estava negociando com outro técnico, no caso Jorge Jesus.

Com informações Jornal O Dia