Amazonas Destaque

Expoagro 2021: Sepror e Amazonastur promovem workshop sobre pesca esportiva

Expoagro 2021 Sepror Amazonastur Governo do Amazonas
Foto: Emerson Martins
Escrito por Zukka Brasil | AM

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), em parceria com a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) promoveram, neste sábado (11/12), um workshop de pesca esportiva. A ação fez parte da programação da 43.ª Exposição Agropecuária do Amazonas (Expoagro), que iniciou na quinta-feira (09/12) e acontece até este domingo (12/12), no Kartódromo da Vila Olímpica, no bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus.

A iniciativa do workshop teve como proposta apresentar o segmento da pesca esportiva no estado e seu atual cenário, bem com difundir conhecimentos entre todos os envolvidos na atividade, desde os empresários até os amantes da modalidade, tendo em vista que a pesca esportiva é dos principais atrativos turísticos e contribui diretamente com a economia do Amazonas.

O técnico em recursos pesqueiros, Wesley Caldeira Alves, foi um dos participantes do workshop, e afirmou que a ação oportunizou uma atualização de conhecimento.

“O workshop é muito interessante para termos uma atualização, sabermos a condição atual do segmento no estado e quais são as visões futuras, os problemas, como será possível solucioná-los. É gratificante contar com profissionais que possuem experiências há mais de 30 anos de prática na profissão. A gente tem a oportunidade de participar e de conversar. É um ganho para a profissão e para o pescador esportivo do dia a dia”, ressaltou.

As temáticas detalhadas pela manhã contaram com palestras e uma mesa-redonda para cerca de 30 participantes do workshop. Os temas incluíram o panorama da pesca esportiva no Amazonas; comércio de material de pesca esportiva; operação de Pesca esportiva; discussões e perspectivas da pesca esportiva.

Outros temas abordados pelo período da tarde foram os torneios de pesca esportiva, alternativa sustentável para a Amazônia: a experiência do torneio de pesca esportiva de base comunitária da comunidade Caramuri; e o curso de Iniciação de Pesca Esportiva com desafio de arremesso, que marcou o encerramento do evento.

As aulas teóricas ocorreram em uma das salas da Vila Olímpica, e a prática do curso ocorreu no estande do Sistema Sepror.

Divulgação – O secretário de Pesca e Aquicultura da Sepror, Leocy Cutrim, afirma que o evento possibilita divulgar a atividade que mais cresce no Amazonas entre pessoas que não possuem nenhum conhecimento voltado à pesca esportiva e entre aqueles que já atuam nela, contando com a participação de autoridades do segmento.

“Esse evento é em parceria entre a Sepror e a Amazonastur, a nossa empresa oficial de turismo do Amazonas. O objetivo principal é divulgar a atividade para aqueles que não conhecem a pesca esportiva e fortalecer cada vez mais o turismo sustentável da natureza, que é a Amazônia. Aqui estamos alinhando a parte de sustentabilidade com a parte de turismo com o setor primário, que é o pescador”, comentou Leocy.

O presidente da Amazonastur, Sérgio Litaiff Filho, ressalta o apoio da Sepror ao evento, e a importância de se conscientizar operadores do turismo de pesca esportiva, ribeirinhos, e munícipes das localidades que têm essa vocação natural.

“Aqui no Amazonas a gente entende que o turismo e a sustentabilidade estão aliadas às atividades da Sepror e a secretaria executiva de Pesca. A pesca esportiva é uma atividade que cresce muito no nosso estado e no Brasil, e nessa época de retomada das atividades de turismo, a gente tem visto que a tendência natural é esse turismo da natureza. O Amazonas obviamente larga na frente. Nós somos ricos em abundância de natureza, com ecoturismo, de aventura, em turismo de contemplação, e obviamente nesse turismo de pesca esportiva”, comentou.