Eleições 2020 | AM

Eleições 2020: Durante bandeiraço Alberto Neto detém suspeito em ônibus no bairro do Coroado

Capitão Alberto Neto | Foto: Divulgação
Capitão Alberto Neto | Foto: Divulgação
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

Eleições 2020: Enquanto o candidato a prefeito de Manaus, vice-líder no Governo Bolsonaro na Câmara, deputado federal, Capitão Alberto Neto estava com sua equipe bandeirando na manhã desta quarta-feira, 07, no bairro Coroado, zona Leste, percebeu que havia algo de errado na linha 651.

Imediatamente o espírito policial falou mais alto e ele entrou no veículo prendendo em flagrante o suspeito acusado pelos passageiros de estar assaltando o coletivo.

“Acabamos de participar de uma ocorrência policial, onde infratores levaram celulares das vítimas que estavam no ônibus, aqui na frente do Coroado, onde nós estávamos fazendo nossa panfletagem. Esse é o drama que a população manauara passa todos os dias, a falta de segurança nos coletivos, por isso temos no nosso programa de governo o BUSER, é um aplicativo que vai monitorar nossa frota, primeiro ele vai dá qualidade de vida que você vai saber que horas por meio do aplicativo o teu ônibus vai passar na tua parada, segundo a frota vai ser monitorada, em caso de emergência, o motorista, o trocador vai apertar o botão do pânico, botão de emergência, a frota monitorada a viatura mais próxima faz a abordagem e coloca o bandido na cadeia. Hoje colocamos mais um infrator na cadeia, e assim vai ser a nossa rotina como prefeito de Manaus, vamos levar segurança para o nosso povo, assaltante não vai ter vez dentro de ônibus não”, falou Alberto Neto.

Policiais da 14ª Companhia Interativa Comunitária (CICOM) foram acionados para fazer a apreensão. E o Capitão Alberto Neto seguiu para fazer boletim de ocorrência.

Conforme a Lei 13.869/2019 (Lei de Abuso de Autoridade) em seu artigo 13º, autoridades não podem constranger o preso ou detento ao exibi-lo à “curiosidade pública”, total ou parcialmente.