Destaque Saúde | AM

David Almeida embarcará para Brasília por vacinas para Manaus após MS paralizar em até 15 dias imunização em todo país

Prefeito de Manaus, David Almeida | Foto: Alex Pazuello / Semed
Prefeito de Manaus, David Almeida | Foto: Alex Pazuello / Semed
Escrito por Zukka Brasil | AM

Vacinação Manaus: Após a fatídica suspensão orientada pelo Ministério da Saúde (MS) a partir do dia de hoje (28), onde está cancelada a aplicação de primeiras doses contra a Covid-19 em toda capital e que, acreditem, só deverá ser normalizada, segundo o MS, entre 10 a 15 dias tão logo Manaus receba novas remessas de vacina, o prefeito de Manaus David Almeida embarcará para Brasília na próxima terça-feira (4/5) com um único objetivo: Buscar uma forma de manter a imunização dos servidores municipais e da população em geral junto ao Ministério da Saúde (MS).

O anúncio foi feito pelo próprio chefe do Executivo municipal na manhã desta quarta-feira, 28/4, durante reunião com gestores da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Para David, a intenção é concluir a vacinação dos professores, profissionais do transporte coletivo e agentes de limpeza, que já estão sendo imunizados seguindo o cronograma da Prefeitura de Manaus, por idade e comorbidades.

“Estamos nos preparando para uma volta segura. Queremos vacinar todos os servidores da saúde, professores, servidores do transporte coletivo e os garis, para continuarmos o trabalho da prefeitura e assim darmos o melhor ao servir a nossa população. Temos que evitar a terceira onda e podemos fazer isso com a vacinação”, disse.

Lembrando que no último dia 14 de março, o prefeito de Manaus solicitou à Procuradoria Geral do Município (PGM) uma autorização junto à Justiça Federal para iniciar a imunização de professores da rede municipal de ensino como grupo prioritário.