Boa Vista

Com redução no número de acidentes de trânsito, Boa Vista inicia Semana Nacional de Trânsito

Ney Brito, chefe da Divisão de Prevenção e Educação para o Trânsito da Smtran. Foto: Divulgação
Zukka Brasil | RR
Escrito por Zukka Brasil | RR

A Semana Nacional do Trânsito de 2020 começou oficialmente nesta sexta-feira, 18. E em Boa Vista, a programação é marcada pela apresentação de dados que indicam redução no número de acidentes de trânsito na capital.

De acordo com levantamento da Superintendência Municipal de Trânsito (Smtran), o número de acidentes com feridos diminuiu 26%, em relação ao ano passado. Enquanto em 2019 foram registrados 1.166 acidentes com feridos (de janeiro a julho), no mesmo período em 2020 esse número caiu para 855.

Entre os elementos que contribuíram para a queda desses números estão investimentos no transito, como implantação de 75 pontos com semáforos na capital, radares de velocidade e de avanço do sinal vermelho, além dos radares educativos, ciclovia e placas indicativas de faixas de pedestres.

Com o tema “Perceba o risco. Proteja a vida”, a meta da campanha de trânsito é justamente conscientizar as pessoas para mudanças de atitude, ressaltando que cada um é responsável por todos. O grande desafio é minimizar ainda mais o número de acidentes e óbitos causados pela imprudência dos condutores.

“O que pedimos principalmente nela é a harmonia no trânsito, o amor ao próximo, visto que o trânsito é o local onde se concentram todos os tipos de pessoas. Então, o convívio é meio conturbado, complicado. Por isso, a importância da harmonia”, explicou Ney Brito, chefe da Divisão de Prevenção e Educação para o Trânsito da Smtran.

De tanto ensinar às crianças das escolas municipais como se comportar no trânsito, por meio da Oficina de Trânsito do Projeto Crescer, a estudante Leiddylan Costa, 18, passou a observar mais o próprio comportamento e o de sua família.

“Eu andava sem cinto, agora toda vez uso cinto, falo pra minha irmã [usar], falo pra minha mãe colocar a cadeirinha do neném”, disse ela.