Economia

Auxílio emergencial é única fonte de renda de 36% de quem recebe, afirma Datafolha

Auxílio emergencial
Auxílio emergencial | Foto: Internet
Zukka Brasil
Escrito por Zukka Brasil

Segundo uma pesquisa Datafolha, feita entre os dias 8 e 10 deste mês, o auxílio emergencial foi a única fonte de renda de 36% dos beneficiários do programa este ano. Até agosto, eram 44% pessoas dependentes da assistência, mas essa taxa caiu quando o governo reduziu o valor pela metade, foi de R$ 600 para R$ 300, e houve a retomada gradual da economia no país.

Ainda de acordo com a pesquisa, o percentual de pessoas que perderam renda por causa da pandemia era de 46% em agosto, número que caiu para 42% dos entrevistados em dezembro. Aponta também que, após a redução do valor do benefício, mais da metade dos entrevistados deixaram de pagar as contas de casa e a escola ou faculdade.

Dados do governo indicam que a política alcançou quase 70 milhões de brasileiros. A pesquisa entrevistou 2.016 pessoas. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.