Destaque Saúde | AM

Após falha logística do MS já estão em Manaus as vacinas AstraZeneca para pessoas de 60 a 69 anos

Vacinação Amazonas | Foto: Diego Peres
Vacinação Amazonas | Foto: Diego Peres
Zukka Brasil | AM
Escrito por Zukka Brasil | AM

O governador Wilson Lima acompanhou, na madrugada desta quinta-feira (25/02), a chegada de um lote de 76 mil doses de vacinas contra a Covid-19 do tipo AstraZeneca/Oxford, enviadas pelo Ministério da Saúde (MS), ao Aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

Com as 2 mil doses recebidas na manhã de quarta-feira (24/02), o estado já dispõe de 78 mil unidades destinadas para o grupo prioritário entre 60 e 69 anos de idade.

“Estamos recebendo hoje mais 78 mil doses, que serão importantes nesse planejamento que nós construímos junto com o Governo Federal. Essas doses serão destinadas para esse grupo prioritário entre 60 e 69 anos de idade. Nós temos pressa em vacinar a nossa população, e ainda na madrugada de hoje os nossos colaboradores da Fundação de Vigilância em Saúde irão fazer a divisão para os municípios, entregando logo cedo para Manaus e também para os municípios do interior, para que a gente possa colocar em ação aquele nosso programa de aceleração de vacinação, uma vez que tanto as Forças Armadas quanto voluntários vacinadores estão preparados para iniciar esse trabalho”, explicou o governador.

As 76 mil doses foram transportadas para a área de armazenamento da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM).

Além desta remessa de AstraZeneca, o Amazonas deve receber, ainda nesta semana, outras 42 mil vacinas do tipo CoronaVac, do Instituto Butantan, somando 120 mil imunizantes.

Desse total, serão aplicadas doses em 86.667 pessoas de 60 a 69 anos, conforme definido pelo Fundo Estratégico.

“Há uma união em torno do combate à pandemia e de soluções para que possamos voltar a nossa vida à normalidade. O Governo Federal tem correspondido com o envio dessas vacinas, inclusive com doses a mais, levando em consideração a nossa situação, e nós estamos dando a resposta sendo o estado que mais tem vacinado no Brasil”, enfatizou o governador.