Educação | AM

Alunos da rede municipal de Manaus são aprovados em processos seletivos de cursos técnicos

SEMED Processos Seletivos Cursos Técnicos Prefeitura de manaus
Foto: Cleomir Santos
Escrito por Zukka Brasil | AM

Mais de 50 alunos finalistas do ensino fundamental, matriculados em escolas da Prefeitura de Manaus, foram aprovados no processo do minivestibular do Instituto Federal do Amazonas (Ifam) e da Fundação Matias Machline para 2022. No total, 38 estudantes da Secretaria Municipal de Educação (Semed) passaram nas provas para o Ifam, e 14 para o Matias Machline. Além disso, sete adolescentes estão na lista de espera das instituições de ensino.

A escola municipal Roberto dos Santos Vieira, bairro João Paulo 2, zona Leste, teve um total de 11 alunos do 9º ano do ensino fundamental aprovados no Ifam, nos cursos de agroecologia, paisagismo, administração e informática para o ano letivo de 2022.

Para a diretora Terezinha França de Paula, o resultado é fruto do trabalho pedagógico da escola com os alunos na mobilização de incentivo para se inscreverem, além da importância dos cursos técnicos, principalmente em um ano de restrições pela pandemia da Covid-19.

“Esse momento concretiza o esforço dos alunos e o comprometimento dos professores, que mesmo em um ano atípico não permitiram que a desmotivação tomasse conta, graças ao acompanhamento dos outros anos que alcançaram esse êxito. Nossa escola sente-se honrada por ter colocado 11 alunos, oriundos da escola pública, desde a primeira série. São estudantes que estamos acompanhando durante os últimos anos, com o intuito de que conseguissem esse feito”, completou.

A aluna do 9º ano vespertino, Maria Eduarda Ferreira da Silva, 14 anos, que estuda desde o 1º ano na escola, ficou feliz com a aprovação em agroecologia no Ifam e mecatrônica na Matias Machline. Para ela, o trabalho pedagógico da escola foi fundamental para seu êxito.

“A escola me ajudou desde o primeiro ano, porque não sabia nem ler e agora passei em dois cursos entre as melhores escolas da região Norte. Agora esses cursos são a oportunidade de uma boa carreira, que vai me proporcionar um bom emprego. Assim eu espero, mas meu foco vai ser medicina. Passei minha infância na escola, foi muito bom, conheci pessoas incríveis e foi um momento especial e único”, comentou.

Desde o 1º ano na escola, a aluna do 9º ano, Neuza Cristina Lemos Palácios, 14 anos, comemora sua aprovação no curso de agroecologia, pelo Ifam. De acordo com a estudante, é uma nova etapa na vida escolar, mas não esqueceu de agradecer o aprendizado ao longo dos anos na escola.

“A importância da escola foi imensa nesse processo, porque eu estudo aqui desde o 1º ano. Vários professores me ajudaram e foram muito importantes, porque tiraram minhas dúvidas. Graças a esses educadores, eu entendo hoje que através da cobrança, aprendi muito. Estou tentando processar tudo isso, porque ainda não estou acreditando que vou para o Ifam. Espero me dar bem e ter novas oportunidades”, disse.

Agradecida

Aprovada no curso de química pelo Ifam, a aluna do 9º ano, Jamily Gama Noé Oliveira, 15 anos, da escola municipal Antônia Pereira da Silva, bairro Santa Etelvina, zona Norte, diz que é um momento muito especial, porque agora vai começar outra fase da vida.

“A escola me possibilitou, pelo trabalho pedagógico, a troca de conhecimento com os meus colegas. Me trouxe também um amadurecimento intelectual, que contribui para o meu convívio em sociedade. Meu objetivo em passar no Ifam é motivado pela oportunidade de ampliar meus conhecimentos na área que desejo me graduar, pensando também na perspectiva de me colocar no mercado de trabalho, logo após concluir o ensino médio”, comentou.